Bela história de amor curta para se dedicar ao meu namorado

Breve história de amor para o seu namorado

Dizem que o amor nunca foi fácil. É o que dizem … Que as histórias de amor sempre sofrem complicações. Ninguém está completamente livre da passagem do tempo e da rotina. Da falta de sinceridade, o silêncio …

No entanto, os detalhes fazem a diferença, eles podem marcar o ponto de virada em um relacionamento. Perceba, converse, diga como é… Isso aconteceu no curta história de amor o que vamos dizer a seguir e o que você pode dedicar ao seu namorado para fazê-lo perceber o quanto você o ama.

História de amor para se dedicar ao meu namorado

Uma vez eles me contaram uma história de amor sobre quando um casal está destinado a ficar juntos. Quando ouvi, me senti tão identificado com os sentimentos que descrevi que hoje queria dedicar a você.

Era um jovem casal, ela mais que ele, com diferentes modos de pensar e unidos pelo mesmo sentimento. Eles queriam ficar juntos. Eles se amavam há muito tempo. Eles desfrutavam dias ao ar livre com excursões, festas e passeios e dias trancados debaixo das cobertas. Eles ouviram um ao outro, eles se entenderam … Eles eram dois amantes até os bares que só se importavam com uma coisa: estar unidos.

As diferenças os tornaram complementares. Eles estavam claros de que se amavam acima de tudo. No entanto, o tempo e a rotina chegaram às suas vidas e foram instalados como uma entidade silenciosa que você sabe que é, mas ignora. Eles alegaram que não era ruim, que fazia parte da evolução do casal, mas um dia, entre a distância e o dia a dia, ela recebeu uma oferta de emprego para ficar no exterior por um ano. Eles conversaram com ele e decidiram que ele aceitaria o emprego, sairia, ficaria juntos à distância e, quando voltasse, tudo seria como antes. O que poderia mudar? Eles colocariam quilômetros no meio, mas no final tudo continuaria o mesmo.

Leia esta bela história romântica para seu parceiro

O tempo passou e ele percebeu que a vida sem ela estava vazia. Eles conversaram, eu estava indo vê-la, ela estava vindo, mas não era o dia a dia do seu sorriso, suas piadas. Simplesmente senti metade, vivi metade. A sensação de que ele não tinha ar era real, não era algo que ele só ouvira em histórias de amor. Mas ele nunca conseguiu dizer a ela o quanto isso passava por sua cabeça, seu estômago e seu coração quando ela não estava lá.

Passou o tempo. Talvez o ano mais difícil para nós dois e, comemorando o retorno, eles tenham sido sinceros. Ambos abriram pela primeira vez em muito tempo. Quase a conversa mais sincera desde o primeiro dia em que declararam amor. Os dois tiveram um mau momento, os dois choraram, erraram e eles perceberam que essa história valia a pena, que eles eram um para o outro o amor de sua vida. Mas valeu a pena o esforço e esforço. Era hora de avançar no relacionamento e deixar claro que “cair na rotina” não significa não ter detalhes ou não considerar seu parceiro. Isso significa que você parou de se olhar para olhar em uma direção comum.

Não. Esta história não termina com um casamento ou com filhos. Termina com um casal feliz, que discute e briga, mas é capaz de superá-lo conversando. Fale sobre como evoluir e se adaptar a todas as mudanças na vida. Porque esses são finais felizes também.

Se você gostou deste, no Diario Femenino, temos muitas outras histórias de amor que também farão você se apaixonar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *